Salão do Encontro realiza campanha para arrecadar fundos; Bazar Solidário nesta semana está entre as iniciativas

2385
Salão do Encontro. Foto: Divulgação/ Salão do Encontro.

Objetivo é levantar recursos para manutenção dos espaços e reposição de itens furtados nos últimos meses. Duas rifas e um Bazar Solidário estão na programação

O Salão do Encontro, instituição que atua em atividades arte-educativas e socioassistenciais há 50 anos em Betim, lança nesta semana a campanha #EuSouSalao. A proposta é levantar recursos para repor os itens furtados nos últimos meses, quando a instituição sofreu cinco arrombamentos e furtos. Entre os itens levados estão 2.500 metros de cabos de cobre, deixando a quadra e espaços onde são realizadas as atividades educacionais sem energia elétrica.

Com o apoio da comunidade e amigos da instituição, que doaram itens para sorteio, para levantar recursos, a instituição lançou duas rifas on-line. A primeira sorteia um PlayStation 4, Modelo Fit, com duas manetes sem fio. O produto está seminovo, ainda na caixa. O valor é R$ 20 e o bilhete pode ser comprado no link: https://rifa.link/10hb .

A segunda rifa é de um conjunto novo de panelas inox Tramontina, com 4 peças, no valor de R$ 5 cada bilhete. Para adquirir basta acessar o link: https://rifa.link/10hs .

DOAÇÕES

Outra forma de ajudar é fazendo doações espontâneas pelo pix do Salão do Encontro: eusousalao@salaodoencontro.org.br. Também é possível realizar crédito na conta corrente da instituição. Os dados são: Banco Caixa Econômica Federal / Agência: 0892 / Operação: 003 / Conta Corrente: 00000096-0. CNPJ: 16.701.872/0001-17.

BAZAR SOLIDÁRIO

O Salão do Encontro também vai realizar um Bazar Solidário nesta semana, nos dias 4, 5 e 6 de março (quinta a sábado). Durante o evento serão disponibilizados roupas e sapatos para crianças e adultos; acessórios, livros, brinquedos e até móveis, com preços super acessíveis. “Uma novidade desta edição é que também teremos móveis, adornos de decoração, eletrodomésticos e vários outros itens”, afirma a Gerente de Projetos do Salão do Encontro, Lourdes Leite.

O Bazar será realizado na sede da instituição, localizada na Rua João da Silva Santos, 34, no bairro Angola, em Betim. Na quinta e na sexta-feira (4 e 5/3), o evento será de 10h às 17h; no sábado (6/3), de 10h às 14h.

“Nós estamos contando com o engajamento e participação da comunidade que se sensibilizou com tudo que nós passamos referente aos furtos. O Bazar faz parte da campanha #EuSouSalão. Uma campanha que vai nos ajudar muito e fará toda a diferença para a instituição nesse momento”, destaca Lourdes.

Todas as regras de biossegurança serão seguidas. O uso de máscaras é obrigatório; haverá aferição de temperatura e disponibilização de álcool na entrada. A entrada também será controlada, para evitar aglomeração.

SÉRIE DE FURTOS

Entre outubro e fevereiro o Salão do Encontro foi invadido cinco vezes. A última foi na madrugada do dia 13 de fevereiro, quando foram subtraídas uma TV 32 polegadas, um celular, um rádio gravador, um aspirador de pó e doações recentes feitas à instituição. Os cabos elétricos foram furtados entre outubro e novembro. Os prejuízos sofridos em decorrência dos crimes praticados contra o Salão do Encontro ultrapassam R$ 50 mil.

No mês de novembro do ano passado, foi protocolada uma solicitação de apoio para a segurança da instituição ao Executivo Municipal, um verdadeiro pedido de socorro, que ainda não foi atendido. O valor repassado à instituição por meio dos convênios é suficiente apenas para o custeio de manutenções preventivas e corretivas cotidianas, tendo em vista as características físicas do Salão do Encontro. Não dispomos de recursos para adquirir novamente o material furtado, nem para contratação e instalação de serviços e sistemas de segurança.

SALÃO DO ENCONTRO

O Salão do Encontro tem 50 anos de história é Patrimônio Cultural Imaterial da Cidade de Betim e referência na promoção de desenvolvimento social por meio da educação, capacitação profissional e assistência social. No total, 750 crianças e adolescentes de 4 meses a 14 anos recebem formação escolar gratuita e diferenciada por meio da Educação Infantil, Pré-Escola e Escola Complementar. Além disso, 480 adolescentes e jovens participam das atividades de formação profissional do Coletivo Jovem, em parceria com o Instituto Coca-Cola.

Cerca de 1.500 pessoas são atendidas diariamente pelas atividades de educação, iniciação profissionalizante e fortalecimentos de vínculos, realizadas em Betim (MG), acolhimento institucional para crianças e adolescentes no município de Vespasiano, e apoio ao serviço de acolhimento institucional de Belo Horizonte, por meio do programa Jovem Independente.