Polícia Civil cumpre mandado em casa de suspeita de roubar máscaras no Hospital Regional

5615
spital Regional de Betim. Foto: Anselmo UBL.

Cerca de cinco mil máscaras foram furtadas no dia 17 de março

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) cumpriu, nesta terça-feira (25), mandado de busca e apreensão na residência de uma das suspeitas de furtar cerca de cinco mil máscaras de proteção individual no Hospital Regional de Betim. Os equipamentos de proteção seriam utilizados nos trabalhos prestados pelos servidores da Secretaria de Saúde de Betim, especialmente nestes dias de pandemia de coronavírus.

De acordo com o delegado Rodrigo Bustamante, a Polícia Civil cumpriu esta busca no intuito de tentar localizar o material furtado, além de colher informações e elementos para a investigação em curso.

“Durante as diligências não localizamos as máscaras na residência da suspeita, entretanto os elementos de convicção foram apreendidos, assim como anotações de interesse à investigação. A busca foi acompanhada pela advogada da suspeita, além do marido e do pai dela, já que ela se recusou a comparecer ao local”, disse Bustamante, em nota divulgada pela Polícia Civil.

A partir dos elementos colhidos, as equipes de investigação irão a três outros lugares para dar continuidade às diligências e tentar localizar as máscaras furtadas. A suspeita também será intimada para prestar esclarecimentos na Delegacia de Polícia Civil em Betim.

*Com informações da PCMG.